sexta-feira, 19 de junho de 2009

Um texto que dá conta do assunto diploma (19/06)

Tem que ler Os Pré-Cogs estão chegando! Caiu o diploma!, de @ivanabentes. Aliás, um esclarecimento. Nestas semanas estou me ajeitando na transição de colunista duas vezes por semana (no Correio Braziliense) para, agora, cinco vezes por semana. Daí que as demais postagens tenham desaparecido no período de adaptação. Vou voltando pouco a pouco.

@alonfeuerwerker no twitter.com

youtube.com/blogdoalon

Assine este blog no Bloglines

Clique aqui para mandar um email ao editor do blog

Para inserir um comentário, clique sobre a palavra "comentários", abaixo

1 Comentários:

Anonymous Anônimo disse...

Alon

Pode comemorar, mas o que tá errado continuará errado. Tu não vês a contradição. Nossos adevogados tão decidindo o que é ou não regulamentável. Isto é, estão se sobrepondo às demais categorias. O argumento é ridículo, se jornalismo não precisa de diploma, advocacia também não precisaria. Eles podem desfiar um rosário de argumentos defendendo o diploma para advocacia, mas nós sabemos no fundo a verdade, não sabemos? As demais categorias estão recebendo tratamento de segunda classe.
A discussão que não vi é que o STF está legislando. E para isso deveria ter uma reação enérgica porque regulamentar ou não uma profissão é uma decisão típica do pacto social. Se a sociedade (legislativo) decidir que é necessário o diploma, ao STF não caberia decidir o contrário. Aqueles que iguais a você não concordam com a regulamentação deveriam mudar a regra no foro correto: no legislativo. Ao comemorar e aceitar a decisão do STF você está legitimando o tratamento de segunda classe dado à sua categoria e às demais.

Rubem

sexta-feira, 19 de junho de 2009 18:15:00 BRT  

Postar um comentário

<< Home