quarta-feira, 12 de novembro de 2008

O biombo da superioridade moral (12/11)

O mecanismo de busca do blogger.com é uma beleza. Procurando no blog por "Königsberg" (para achar o mapinha de Kaliningrado que coloquei no post Bons acordos, logo abaixo), dei de cara com um post antigo, o Coração quente, cabeça fria e Kaliningrado, da época da guerra entre Israel e o Hezbollah. Tem um trecho assim:

(...) quem usa a tragédia e o sofrimento humanos como biombo para seus propósitos políticos acaba desmascarado quando exibe a própria incapacidade de se compadecer do adversário exposto à desgraça. (...) Todos temos os nossos mortos e mutilados, física ou espiritualmente. Mas não façamos disso um expediente para atrair a piedade alheia e demonizar o adversário.

É precisamente o que se passa no debate sobre a revisão da Lei de Anistia. O pedaço do governo que propõe rever a lei -argumentando, entre outras coisas, que a tortura é crime imperdoável segundo as normas brasileiras- certamente apoiaria uma eventual anistia do governo colombiano para as Farc. Ainda que entre nós o seqüestro para fins de extorsão também seja crime que não pode ser anistiado (tudo sempre segundo a legislação pós-ditatorial). Leia Importadores de sucata. Eu continuo querendo saber, e vou insistir nisto: o pedaço do governo brasileiro que propõe rever a Lei de Anistia apóia a posição do governo colombiano de oferecer a cadeia e o banco dos réus como única saída para os guerrilheiros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia? Ou acha que é razoável encerrar aquele conflito com uma oferta de anistia, mesmo a quem atentou contra os direitos humanos? Vamos lá, respondam. E vale também para o outro lado. Vocês que agora se batem por manter a anistia de 1979 em vigor também para os torturadores apoiariam a anistia ampla aos membros das Farc no âmbito de um acordo de paz? Querem saber de uma coisa? Há algo de que me orgulho. Em mais de três anos de blog, com quase 2 mil posts (a ampla maioria analíticos), não me lembro de ter recorrido ao biombo da "superioridade moral" para "vender" minhas posições políticas. Que Deus me ajude a continuar no bom caminho.

http://twitter.com/alonfe

Clique aqui para assinar gratuitamente este blog.

Para mandar um email ao editor do blog, clique aqui.

Para inserir um comentário, clique sobre a palavra "comentários", abaixo.

2 Comentários:

Anonymous Anônimo disse...

Alon, sabe por que os que querem a revisao da anistia nao respondem a sua pergunta? Porque ela e um xeque-mate. E uma situacao sem saida. Com o uso simples da logica voce os desmascarou.

quarta-feira, 12 de novembro de 2008 13:22:00 BRST  
Anonymous Anônimo disse...

Parece que está faltando o que fazer para esse pessoal. Cabeças vazias são oficinas do coisa ruim, como diziam os antigos.

Swamoro Songhay

quinta-feira, 13 de novembro de 2008 14:55:00 BRST  

Postar um comentário

<< Home