quinta-feira, 23 de outubro de 2008

Quase bolivariano (23/10)

Depois de desencadear a moda da estatização de bancos e outras empresas em resposta à crise, o Primeiro Mundo dá mais um passo. Do G1:

Conselho de Nova York abre caminho para terceiro mandato de Bloomberg

Lei que permite nova reeleição foi aprovada por 29 votos a 22. Prefeito quer ficar no cargo para ajudar cidade na crise financeira.

(Reuters) - O Conselho da cidade de Nova York votou a favor de um terceiro mandato para o atual prefeito, Michael Bloomberg, nesta quinta-feira (23), permitindo que ele concorra à reeleição. O Conselho municipal aprovou a norma por uma margem estreita (29 a 22), depois de um acalorado debate. Com a ratificação, Bloomberg, cujo segundo mandato termina no ano que vem, poderá concorrer a mais uma reeleição. Bloomberg havia anunciado em 2 de outubro a intenção de tentar a segunda reeleição. "Se o conselho municipal votar a emenda para as limitações de mandatos, acho que vou pedir aos nova-iorquinos que considerem meu desempenho como líder independente e votem em mim", afirmou na época. Bloomberg, de 66 anos, anunciou sua decisão argumentando que a crise financeira atual requer que alguém com sua experiência em termos econômicos permaneça no comando do governo da capital financeira do país.


Aguardam-se os protestos e as advertências sobre o crescente risco bolivariano nos Estados Unidos. Ou pelo menos na sempre perigosamente esquerdista Nova York.

http://twitter.com/alonfe

Clique aqui para assinar gratuitamente este blog.

Para mandar um email ao editor do blog, clique aqui.

Para inserir um comentário, clique sobre a palavra "comentários", abaixo.

1 Comentários:

Blogger Richard disse...

Pelo menos, ele não começa os discursos com "Numca antes na história nesta cidade..."!!!

sexta-feira, 24 de outubro de 2008 17:50:00 BRST  

Postar um comentário

<< Home