segunda-feira, 13 de outubro de 2008

De olho no dólar (13/10)

A recuperação dos mercados mostra que o dinheiro se sente agora mais seguro, após os governos por todo o mundo avisarem que vão fazer tudo e mais alguma coisa para salvar bancos em dificuldades. Ou seja, vão estatizar em massa o sistema financeiro. Aqui no Brasil a dúvida está no dólar. Em que valor a moeda americana vai se equilibrar, em reais? O governo está preocupadíssimo com esse detalhe. Um dólar equilibrado em torno de R$ 2,00, além de ter algum impacto na inflação -ou por isso mesmo, pode levar a turma do Banco Central a querer subir ainda mais os juros, numa hora em que eles estão caindo no resto do mundo. E se o BC for por aí pode levar a economia brasileira a desacelerar mais do que seria razoável, ou pelo menos mais do que seria conveniente para Luiz Inácio Lula da Silva e seu projeto de transformar Dilma Rousseff na próxima presidente do Brasil. Daí que no Palácio do Planalto a torcida seja toda para que o dólar caia. E rápido. Ontem, a Bovespa subiu subiu quase 15% mas o dólar só caiu (em reais) 7,5%.

http://twitter.com/alonfe

Clique aqui para assinar gratuitamente este blog.

Para mandar um email ao editor do blog, clique aqui.

Para inserir um comentário, clique sobre a palavra "comentários", abaixo.

8 Comentários:

Anonymous Anônimo disse...

Alon, minha família tem uma confecção. fabricamos blusas de tricô. Fornecemos para uma grande empresa de varejo, sediada em Londrina. Na última visita a este cliente, oferecemos uma blusa masculina por R$45,00, o menor preço que conseguimos fazer. O cliente respondeu: temos 3 importadoras nos oferecendo modelo similar por R$28,00. Pagamos R$28,00 no teu produto. Não dá para competir com a China.
É por isto que estamos adorando a escalada do dólar. Será ótimo se ficar em R$2,00.
Inflação? Balela, o risco agora é recessão e deflação mundial.

segunda-feira, 13 de outubro de 2008 19:29:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

Anônimo, vc tem duvida de que o BC vai fazer o que o Alon falou?

segunda-feira, 13 de outubro de 2008 19:31:00 BRT  
Anonymous Serginho/Sampa disse...

Alon, posso estar enganado mas 'estatização' implica em transferência de controle para o Estado. É isso que está ocorrendo no mundo? Os governos estão tomando controle dos bancos? Ou estão simplesmente DANDO dinheiro a eles? Me esclareça essa dúvida.

segunda-feira, 13 de outubro de 2008 19:33:00 BRT  
Blogger Betamax disse...

Dólar a R$ 1,80 antes do fim do ano;Selic congelado,pela última taxa.
Mais um pregão,com esses índices, e o dólar desce na mesma proporção.
Conter despesas públicas ou reduzir
gastos de infra-estrutura,principalmente PAC,nem pensar. Comércio internacional, reduzindo as atividades, só resta
estimular a economia doméstica.
Aliás, a China,que acusou o golpe da recessão ,já toma essas providências.

terça-feira, 14 de outubro de 2008 01:30:00 BRT  
Blogger Briguilino disse...

Por Marcelo Mesquita

Remédio para todos os males.

Para quem quer ser Presidente do Banco Central, quando crescer, tenho alguns conselhos simples que lhe farão atingir o sucesso:

1 - caso a inflação comece a subir, e você precise conter a demanda, não hesite, aumente os juros;
2 - se a inflação começar a cair mas a taxa de crescimento estiver subindo, você precisa agir, aumente um pouco mais os juros;
3 - se houver recessão mundial, devido a uma crise nos maiores mercados do mundo, isto pode significar excesso de produção no seu país, aumente os juros novamente;
4 - se o Governo estiver gastando muito e com dificuldade para rolar suas dívidas, os investidores precisarão de juros mais altos para fazê-lo
5 - se os dólares dos especuladores internacionais começarem a deixar o país em ritmo muito acelerado, você precisará elevar os juros para conter esta fuga de capitais,
6 - se aumentarem os preços das commodities mundiais, já sabe, aumente a taxa SELIC. Os preços cairão automaticamente.
7 - enfim, sempre que não souber o que fazer e precisar demonstrar firmeza e segurança, aumente os juros.

terça-feira, 14 de outubro de 2008 08:47:00 BRT  
Blogger Cesar Cardoso disse...

Serginho: os governos estão fazendo uma das duas coisas: (i) estatizando pura e simplesmente os bancos (ii) estatizando "de maneira torta", ou seja, injetando dinheiro nos bancos em troca de ações deles.

anônimo: tem razão, o problema é a deflação que já se anuncia.

terça-feira, 14 de outubro de 2008 09:14:00 BRT  
Blogger Cesar Cardoso disse...

Betamax: o problema é que não tem sentido o dólar a 2,40, como não tem sentido o dólar a 1,60. Não havia motivo para o dólar descer a ladeira como desceu, como não havia motivo para a escalada insana da semana passada. Aliás, havia: o BC brasileiro é o último reduto da era dos BCs neoliberais.

terça-feira, 14 de outubro de 2008 12:38:00 BRT  
Blogger Renato disse...

Tava planejando um PC novo para este fim de ano
Mais com o dolar desse jeito,vai ficar dificil...

sexta-feira, 24 de outubro de 2008 15:44:00 BRST  

Postar um comentário

<< Home