quinta-feira, 16 de agosto de 2007

Algumas simulações para a corrida pelo Planalto - ATUALIZADO (16/08)

A tabela abaixo (clique nela para ampliar) traz os principais números da última pesquisa nacional Ipsos, com uma amostra de 1.000 entrevistados.
















Primeiro, foi apresentada uma lista de possíveis candidatos governistas à presidência em 2010 (primeira coluna da esquerda para a direita). Em seguida, o mesmo foi feito com os principais nomes da oposição (segunda coluna). Depois, a pesquisa simulou um mano a mano tipo segundo turno. Os resultados foram os seguintes (a partir da terceira coluna):

José Serra (PSDB) 39%, Ciro Gomes (PSB) 27%
Ciro Gomes (PSB) 39%, Aécio Neves (PSDB) 15%
Geraldo Alckmin (PSDB) 33%, Ciro Gomes (PSB) 29%
José Serra (PSDB) 47%, Marta Suplicy (PT) 15%

Coloquei na tabela também colunas com os dados das votações entre os pobres (D/E) e na região nordeste (NE). E a última linha é a diferença entre o candidato do governo e o da oposição. Divirtam-se.

Atualização (23:02): Destaquei os pobres e o nordeste porque são os pobres e o nordeste quem decide eleições presidenciais no Brasil.

Clique aqui para assinar gratuitamente este blog.

Para mandar um email ao editor do blog, clique aqui.

Para inserir um comentário, clique sobre a palavra "comentários", abaixo.

14 Comentários:

Anonymous Marcos disse...

Sinceramente, a 3 anos da eleição estas pesquisas só servem para insuflar egos.
Tem tanto condicionante até lá, que eu prefiro um trabalho de cartomante. Muito mais confiável.

quinta-feira, 16 de agosto de 2007 22:15:00 BRT  
Anonymous sebastiao agnaldo figueiredo disse...

Perdemos nosso direito de escolha, que ALA nos ajude.

quinta-feira, 16 de agosto de 2007 22:32:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

Destacar os resultados por classe social: ok. Afinal, os pobres, juntamente com os (mal)remediados, constituem maioria absoluta da população brasileira.
Agora... pôr em destaque os resultados da Região Nordeste? Com que intuito? Qual a relevância demográfica da região que justifique tal "importância"? Caso seja para tentar comprovar a tese de que "somente os pobre e nordestinos votam na esquerda", ou melhor, no Lula, parabéns. Acaba de ser prestado mais um desserviço à formação da capacidade crítica de nosso povo.

quinta-feira, 16 de agosto de 2007 22:50:00 BRT  
Blogger Marcelo disse...

ô, anônimo. Foi uma ironia.

quinta-feira, 16 de agosto de 2007 23:51:00 BRT  
Blogger Cesar Cardoso disse...

A única coisa que esta pesquisa prova é que Ciro Gomes, José Serra e Geraldo Alckmin são mais "lembrados" pelo eleitorado do que Marta Suplicy, Aécio Neves etc e tal.

E Denise Frossard é pegadinha? Porque não colocaram logo o Cesar Maia?

quinta-feira, 16 de agosto de 2007 23:56:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

Quero parabenizá-lo pela pesquisa, no entento acho que cometeu um equívoco em dizer que o Nordeste define as eleições presidenciais. Ou vai me dizer também que o nordeste tem a maior população do país?
Quem determina o futuro presidente não é pobre, não é nordestino e sim o povo brasileiro

sexta-feira, 17 de agosto de 2007 00:18:00 BRT  
Blogger Luiz Augusto disse...

Sou carioca, comunista ( do PC do B ), servidor público, ecologista e tricolor.

VOTO COM O PARTIDO.

E não teria problemas em votar em Lula III, Ciro, ou Martha.

Serra, Alckmin ou Aécio ? Nem que o Camarada Stálin subisse dos Infernos, pedindo.

sexta-feira, 17 de agosto de 2007 01:24:00 BRT  
Blogger Rafael Kafka disse...

Essa será uma eleição em que a disposição para o risco será mínima tendo em vista que uma derrota da oposição a esfacelaria ainda mais portanto creio que Serra e Ciro irão polarizar o país.

sexta-feira, 17 de agosto de 2007 05:34:00 BRT  
Blogger Luciano disse...

Por que m nao consta o nome da ex senadora Heloisa Helena
passo a creditar que essa simulação é chapa branca ou simplesmente balela

seria bom que se fizessem simulaçoes constando o nome da EX senadora

sexta-feira, 17 de agosto de 2007 11:12:00 BRT  
Blogger Nehemias disse...

É interessante é que a pesquisa mostra que as intenções de voto do Serra, nos dois cenários onde ele aparece, são praticamente iguais na população em geral, nordeste, e classe D/E.

Ou seja, cai por terra a tese de que nordestino e pobre não votam na oposição. O Serra continua muito popular no nordeste, mesmo tendo passado 5 anos da eleição presidencial de 2002.

Isso é ainda mais evidente quando se analisa os dados do Alckmin. Mesmo oito meses depois de uma campanha, com horário eleitoral, televisão, debate e tudo o mais, ele continua bem menos popular entre os mais pobres e menos ainda no nordeste. Provavelmente, as pessoas continuam associando ele com a elite (branca) paulista.

O Aécio também vai mal no Nordeste. Contudo, ele vai relativamente bem entre os pobres. E o Aécio nunca disputou uma eleição nacional, sendo bem menos conhecido que o Serra e o Alckmin.

Como nenhum presidente desde 1946 se elegeu sem ganhar entre os pobres e no nordeste, lançar um candidato que não vai bem entre eles é total perda de tempo. Tipo PSDB e PFL em 2006.

E a Marta Suplicy deve estar ai só de figuração não é? Depois do relaxa e g..., ela não se elege nem síndica de prédio.

sexta-feira, 17 de agosto de 2007 11:59:00 BRT  
Anonymous Alexandre Porto disse...

Quando Lula começar a subir no palanque de algum deles, quero ver para onde vão essas pesquisas.

Aumento da massa salarial; do emprego; do PIB; obras do PAC; o carisma dele.

Só uma enorme crise internacional tira o candidato de Lula do Palácio.

sexta-feira, 17 de agosto de 2007 13:38:00 BRT  
Blogger Dourivan Lima disse...

O Rafael Kafka tem sua razão - exceto, possivelmente, quanto ao PT.

Acho que nem o Lula vai fazer o partido abrir mão de uma candidatura própria.

Quanto ao "relaxa e goza", tenho minhas dúvidas se essa bobagem ainda vai ter qualquer efeito em 2010.

Não sei de nada do que anda acontecendo em SP. Mas, com o Serra saindo candidato a presidente, suspeito que a aposta mais certeira de Marta deve ser o Governo, especialmente se o Alkmin insistir em sair candidato a prefeito.

Com isso, quem sabe o Lula tem chance de fazer o PT apoiar o Ciro. Fica de bom tamanho pra todo mundo.

Hipóteses, hipóteses...

sexta-feira, 17 de agosto de 2007 19:03:00 BRT  
Anonymous paulo araujo disse...

Alon

Sua assertiva esbarra num fato: SP e MG. Estes, unidos, sao imbativeis, porque numericamente e politicamente superiores. Que expressao importante da maioria elegeu os presidentes desde o fim da ditadura?

PS: A expressiva intencao de voto no Serra na D/E do NE e interessante para o Serra, mas nao e suficiente para o Serra.

abs.

sábado, 18 de agosto de 2007 00:39:00 BRT  
Blogger Nezimar Borges disse...

“Caro amigo” . Estou fazendo um trabalho de divulgação pelos principais e mais visitados blog´s do país. Possuo um site independente sobre a trajetória política e social deste que é um ícone da esquerda brasileira, João Capiberibe. Se Possivel ajudar na divulgação, pois precisamos que mais pessoas saibam da vida e da luta deste Amazônida pelas causas sociais e ambientais. Por fim, saber da grande farsa montada por Sarney – inimigo ferrenho de Capiberibe no Amapá - e seus aliados próximos para tirar João Capiberibe do Senado Federal. E que conseguiu a contento.

Um abraço seu leitor

Visite ; http://www.historiadocapi.com.br

Macapá-Amapá-AmazoniaBR
Nezimar Borges

sábado, 18 de agosto de 2007 23:54:00 BRT  

Postar um comentário

<< Home