sexta-feira, 27 de julho de 2007

Rumo a Congonhas - (ATUALIZADO 27/07)

Daqui a pouco embarcamos em Brasília rumo a Congonhas. Depois eu conto como foi.

Atualização (21h11) - Chegamos bem. Mas que foi estranho baixar na pista principal do aeroporto, isso foi.

Clique aqui para assinar gratuitamente este blog.

Para mandar um email ao editor do blog, clique aqui.

Para inserir um comentário, clique sobre a palavra "comentários", abaixo.

8 Comentários:

Anonymous Rdorigo disse...

Boa sorte Alon.

sexta-feira, 27 de julho de 2007 16:49:00 BRT  
Anonymous José Augusto disse...

Alon, boa viagem. Mas tenha cuidado e os olhos e ouvidos bem abertos para o que se passa no entorno de Congonhas. Mas precisamente, pelos lados da Av. Paulista, imediações dos Jardins.

sexta-feira, 27 de julho de 2007 17:32:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

Acho que já estava tudo armado. A midia esperando a primeira chance pra bater com força no governo, mesmo que usando mentiras como a investigação da Globo que já no dia do acidente decretou a culpa da pista.
Depois entra a tal da sociedade civil, que nesse caso são os barões de SP e da mídia(Fiesp, OAB, e demais)dizendoque está cansada.
Depois vem a a parte politica, os Democratas(??????) com seu fora Lula pra ver se cola.
Quero ver quantos esses caras conseguem reunir .
Da minha parte estou pronto pra defender o governo legitimamente eleito pelo povo.Defender a DEMOCRACIA contra esses oportunistas que agora põe a cabecinha pra fora.

sexta-feira, 27 de julho de 2007 18:04:00 BRT  
Anonymous Marcos disse...

Alon, o que você acha da nova obra que será construída em São Paulo?
Falo do marivilhoso trem que ligará Congonhas a Cumbica.
Sou morador da Zona Leste de São Paulo. A décadas vejo as linha de trem que transportam trabalhadores
proveniente das regiões periféricas do Estado de São Paulo.
Gado é trasnportado de maneira mais confortável.
Me pergunto se esse trem terá ar condicionado. Os da Periferia tem portas abertas.

sexta-feira, 27 de julho de 2007 18:35:00 BRT  
Anonymous Alexandre Porto disse...

Com ou sem reverso?

sexta-feira, 27 de julho de 2007 22:42:00 BRT  
Blogger Cláudio de Souza disse...

Meus pais vieram de POA pra SP, descendo em Congonhas, nesta sexta, saindo do RS por volta de 18h e chegando na capital paulista por volta de 20h. Não sentiram nenhum problema -- tudo correu maravilhosamente bem. Isso me fez lembrar do que um coleguinha meu e seu (Zanini) disse no auge da crise aérea, quando tinha de vir de BSB a SP: "viva a Varig!" De fato, meus pais voaram Varig e não tiveram nenhum contratempo. E em meio a essa crise toda, os dois nomes que se sobressaem são sempre dois: Gol e TAM. É apenas coincidência?

sábado, 28 de julho de 2007 03:42:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

Infelizmente ainda depende de cataclismas a motivação para a tomada de decisões cruciais para áreas críticas. O que deveria ser normalidade em gestão, acaba tornando-se crise. Pior ainda quando há a histeria de ver-se armação em tudo. Nada seria capaz de criar gestos, gracejos, bravatas, discursos ocos, cinismos, como os protagonizados nos dias após os graves acidentes e desconfortos a milhares de pessoas. A história está recheada de pontos de ruptura. Notadamente na política, onde protagonistas geram o caldo de cultura, a sopa de onde pode medrar os piores pesadelos para muitos ou glória insana para os poucos de sempre, dependendo do ângulo em que se situam, ou o matiz que advogam. Pena que, ao invés de evolução, tenha-se logrado obter tal atraso. Parabéns aos mitificadores criadores de quimeras.
Sotho

domingo, 29 de julho de 2007 10:35:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

milhares, milhoes de passageiros de onibus ou de avioes ou motoristas de carros trafegam diariamente com pontualidade. alguns poucos vao ter o infortunio de encontrar um bebado na contramao, um pirado que desliga um transponder, um piloto que errou uma manobra num equipamento no limite da irresponsabilidade. esses poucos farao as primeiras paginas de jornais e manchetes sensacionalistas. servirao de salva-vidas (perdao pelo trocadilho) de uma oposicao sem proposta. viajei hoje pela manha; ao chegar no giche sem fila, perguntei se o voo tinha sido cancelado. ao receber um sorriso de resposta, ainda fui surpreendido pela informacao de que o voo estava sim, no horario.

domingo, 29 de julho de 2007 15:42:00 BRT  

Postar um comentário

<< Home