terça-feira, 6 de fevereiro de 2007

"Os ricos têm que pagar" (06/02)

O Senado vai criar uma subcomisão de Aquecimento Global no âmbito da Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA). A proposta é do senador Renato Casagrande (PSB-ES). Os senadores querem acompanhar e fiscalizar o que o governo federal, os estados e os municípios estão fazendo para reduzir a emissão de gases responsáveis pelo efeito estufa. E querem avançar nas propostas para exigir dos paí­ses ricos compensações pela desaceleração do desmatamento. "Se realmente desejam que nós restrinjamos o uso dos nossos recursos naturais, os ricos têm que pagar", diz Casagrande.

Clique aqui para assinar gratuitamente este blog (Blog do Alon).

Para mandar um email ao editor do blog, clique aqui.

Para inserir um comentário, clique sobre a palavra "comentários", abaixo.

4 Comentários:

Blogger Cesar Cardoso disse...

Faltou a questão da mudança da matriz energética. Seria interessante se o Congresso Nacional fosse uma força no sentido de acelerar a mudança da matriz energética brasileira, dando um exemplo para o mundo.

terça-feira, 6 de fevereiro de 2007 22:56:00 BRST  
Anonymous Anônimo disse...

Claro que querem nos ferrar, Alon. Aqui um texto que mandei para o OI.

um link para quem realmente se importa com a verdade, a realidade, as provas, enfim Ciência.

http://www.canadafreepress.com/2007/global-warming020507.htm

Um adendo, consensos não são ciência. Aliás, as melhores teses científicas são aquelas que derrubam, demonstram que o consenso está errado. Um exemplo.
Poucos anos atrás havia um consenso que dizia que era impossível haver bactérias no estômago. Um pesquisador conseguiu identificar e isolar uma bactéria (dentro do estômago) que estava intimamente ligada à presença de úlceras no estômago. Quando ele relatou a seus pares seus achados, só faltou atirarem pedras no sujeito. Muito tempo passou até que sua descoberta fosse aceita, revolucionando o tratamento e a vida de milhões de pessoas (até engolir a bactéria para provar que causava úlcera, ele engoliu). E daí? Daí que ele estava certo, uma pessoa estava certa e o consenso errado. Em ciência pouco importa a popularidade, a quantidade de pessoas que acreditam em algo, interessa se é VERDADE. Difícil de descobrir as vezes, mas ela existe.
Esta descoberta foi anunciada aos 4 ventos, na TV e na mídia? Não, aos poucos entrou na prática médica. Por isso, quando vejo milhares de reportagens sobre o aquecimento global distinguo nitidamente que o que está acontecendo é uma campanha publicitária, nada relacionado a verdadeira ciência.JV

terça-feira, 6 de fevereiro de 2007 23:38:00 BRST  
Anonymous José Augusto disse...

Nada mais natural do que os países cobrarem Royalties pela preservação de recursos naturais, de interesse global. Só falta combinar o preço e os países de 1o. mundo que defendem o preservacionismo na casa alheia concordarem.

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2007 00:09:00 BRST  
Anonymous Anônimo disse...

Cesar, mudar a matriz energética para o quê, exatamente? Catavento, usina nuclear, transformar o planalto central numa represa para novas hidrelétricas, ....JV

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2007 16:16:00 BRST  

Postar um comentário

<< Home