sábado, 30 de setembro de 2006

Eu já vi este filme e não vou atravessar o Rubicão (30/09)

Ninguém me tira da cabeça que o impeachment de Fernando Collor começou a caminhar no dia (noite) em que ele colocou na tevê Miriam Cordeiro, ex-namorada de Luiz Inácio Lula da Silva, nos últimos momentos da campanha de 1989. É só uma convicção minha, claro, sem qualquer base factual ou racional. Não importa. A razão não é tudo. Raciocinar não é a atividade suprema do homem. Quem acha o contrário se arrisca a conferir ao ser humano uma dimensão divina que ele não tem. O "penso, logo existo" tem seus limites. O livre arbítrio não faz do homem um deus. Na política, por exemplo, é sempre útil consultar os sentimentos e as sensações. Se algo te embrulha o estômago, coisa boa não há de sair dali. Tenho repulsa à violência em campanhas políticas. Melhor não fazer, mesmo se for para perder. Até porque o bumerangue sempre volta, como 2 e 2 são 4. Outro dia, li num jornal que todos os políticos algozes de Collor no impeachment viveram, ou estão vivendo, o seu próprio inferno particular. E Collor está a caminho de uma cadeira no mesmo Senado que o retirou definitivamente da Presidência. Subir uma escada feita de cadáveres para alcancar um ponto alto, para ter sucesso numa "boa causa" pode ser eficaz, só que dá azar (êta superstição). Eu já vi o filme mais de uma vez, e o final é invariavelmente o mesmo, apenas com pequenos ajustes. Mas tem gente que se comporta como o maluco do cinema, que volta sempre para assistir à fita, na esperança louca de ver se ela acaba de um jeito diferente. Desafio você a me dizer um -e só um- nome de político (no sentido amplo da palavra) que tenha terminado bem depois de construir sua trajetória com base na violência, em ataques à honra de adversários, em denúncias, em tramas subterrâneas, em desonestidades, trapaças e mentiras. Na manipulação grosseira de informações. No abuso do poder. Na supressão do direito de defesa do outro. Não vale dizer o nome de gente que está na ativa, pessoas cuja história ainda não terminou. Essa conversa toda é para dizer: a pior campanha presidencial das últimas duas décadas não vai dar em coisa boa. Já tratei aqui outro dia da divisão do país. Mas tratei da maneira "suíça e limpinha" (nas palavras de um leitor) que de vez em quando irrita alguns de vocês, que me dão a honra de freqüentar o blog. Paciência. Meu exercício diário é (tentar) fugir dos juízos de valor. Como Julia Roberts em Runaway Bride (Noiva em Fuga). É meio patético, mas fazer o quê? Toda utopia transforma quem a persegue num sujeito patético, em algum grau. Eu aqui procuro seguir a máxima daquela padaria, em que as pessoas viviam pedindo para comprar fiado. Até que o dono se encheu e colocou a placa: "Venderemos fiado no dia em que o banco começar a fazer pão". Meu ramo é o dos fatos e argumentos. É a minha utopia particular. Fatos, argumentos e relações lógicas. Construções que sobrevivam ao tempo. Coisas de que eu não precise me envergonhar depois. Idéias que se lidas mais à frente tenham algo a acrescentar sobre o que se passou. Hoje, reli os posts deste último mês. Percebi que a temperatura aqui está baixa, enquanto lá fora o dia ferve. Paciência. O ar condicionado vai continuar ligado. Este Rubicão eu não vou atravessar.

Clique aqui para assinar gratuitamente este blog (Blog do Alon).
Para mandar um email ao editor do blog, clique aqui.
Para inserir um comentário, clique sobre a palavra "comentários", abaixo.

14 Comentários:

Anonymous Cesar Cardoso disse...

A diferença, Alon, é que quando o Collor colocou a Miriam Cordeiro na TV, não houve logo depois um desastre como a queda do vôo 1907.

sábado, 30 de setembro de 2006 10:41:00 BRT  
Anonymous jose carlos lima disse...

O Jornal Nacional? Mostrou a foto do dinheiro. Lacerda, leia-se lacerdismo em carne-e-osso e cosso-carne. Tanta coincidência com o período que antecedeu ao suicídio de Getúlio Vargas. Como o mundo é estranho. Lacerda. Moral da história: até que enfim as elites tem, de novo, um Lacerda. Elas estão usando-no, em pleno dia da eleição, para derrotar o presidente Getúlio Vargas digo Lula. No momento ouço foguetes. Eles estão eufóricos com suas bandeiras, camisetas=brindes autorizados pela (in) justiça eleitoral. ( leia este meu texto na íntegra no meu blog http://abandon.zip.net)

sábado, 30 de setembro de 2006 10:45:00 BRT  
Anonymous Nan Estel disse...

se acreditasse em diabo iria pensar que o collor tem parte com ele. o irmao que o denunciu morreu de cancer pouco tempo depois. e na cabeca se nao me engano.

sábado, 30 de setembro de 2006 11:24:00 BRT  
Anonymous joao x disse...

nao me conformo com o azar do PSDB. no dia que estourou o escandalo do dossie, apareceu o video da cicarelli, agora que o partido conseguiu fazer aparecer a foto do dinheiro, cai um aviao e o assunto vai pro limpo.

sábado, 30 de setembro de 2006 11:25:00 BRT  
Anonymous Kleber Matos disse...

Além do pleito há aquilo que diz o que quer. Precisamos urgente de outra mídia. Ele se encarrega hoje de fustigar a "irracionalidade" de uma decisão posta. Isso é brincar de Deus. O PT é cheio de amdores. Seu mau escorre as vistas como escorre o mau do tráfico, da violência doméstica, do desemprego, da fome, do acidente, etc. Só o mau dos tucanos não aparece. Isso os distancia de quem o mau conhece de perto. A intuição fala contra os mal conhecidos. A suspeição sobre a Branca de Neve.

sábado, 30 de setembro de 2006 11:33:00 BRT  
Anonymous João Lisboa disse...

Alon,

Sempre que possível, link seus post na Wikipédia em português.

Rubicão = http://pt.wikipedia.org/wiki/Rubic%C3%A3o

sábado, 30 de setembro de 2006 12:12:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

Alguns fatos:

Quebraram o sigilo de um caseiro;
Se associaram para comprar um dossiê;
usaram um valerioduto;
queriam ética na política;
derrubaram Collor.

sábado, 30 de setembro de 2006 13:47:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

O desastre com o avião ocorreu pouco antes das 17h00. A imprensa é que demorou a divulgar. O Fernando Rodrigues achou estranho a demora http://uolpolitica.blog.uol.com.br/

sábado, 30 de setembro de 2006 15:04:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

sera que eles atrasaram so para poder fazer aquele jornal nacional inteiro contra o lula? sera que eles chegariam a esse ponto?

sábado, 30 de setembro de 2006 15:50:00 BRT  
Anonymous paulo araujo disse...

Esses cometários sobre o desastre com o avião da Gol mereciam ir para o lixo.
Um pouco mais de respeito com sofrimento das famílias, por favor.

sábado, 30 de setembro de 2006 16:52:00 BRT  
Anonymous arkx disse...

num momento caótico, um país dividido é a nossa herança. entretanto, talvez o tempo das armas esteja acabando. e a época dos homens violentos ficando para trás.

como deixar de sermos um bando de selvagens, agindo em interesse próprio, para nos tornarmos uma nação? nenhum processo de amadurecimento se dá sem ruptura e dor.

se não há qualquer futuro possível no ódio e na desilusão, não nos livraremos do passado sem manter princípios claros e inabaláveis. mesmo os bandidos têm seu código de ética.

sábado, 30 de setembro de 2006 18:45:00 BRT  
Blogger Person disse...

"Outro dia, li num jornal que todos os políticos algozes de Collor no impeachment viveram, ou estão vivendo, o seu próprio inferno particular."

Ótimo. Que seja a vez do inferno astral petista!

sábado, 30 de setembro de 2006 19:06:00 BRT  
Anonymous Swamoro Songhay disse...

Impressionante. Um lamentável desastre de avião é colocado sob suspeição por motivos eleitorais? Será que a paranóia foi levada a tal nível? Deixem disto e respeitem as pessoas que estão preocupadas com os seus entes. Parem de vez de apropriar-se e embebedar-se de agrugas existentes. Deixem, principalmente, de criá-las quando não existirem. E parem de vendê-las, como se conspirações o fossem. Lamentável. Deixem de ser arrogantes, pô.

domingo, 1 de outubro de 2006 10:01:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

Celio Levyman, no Observatório da Imprensa, também questiona a demora da mídia brasileira em noticiar o desastre:
http://observatorio.ultimosegundo.ig.com.br/artigos.asp?cod=401FDS001

Ainda mais que CNN noticiou antes...

Mais um dentre os tantos mistérios deste terrível acidente.

segunda-feira, 2 de outubro de 2006 21:24:00 BRT  

Postar um comentário

<< Home