terça-feira, 29 de agosto de 2006

Deixem o marqueteiro em paz (29/08)

A esta altura do dia você já deve saber que a pesquisa CNT-Sensus divulgada hoje mostrou as coisas mais complicadas ainda para Geraldo Alckmin. Clique aqui para saber dos números. Mas, se o tucano apanha feio de Luiz Inácio Lula da Silva, na guerra entre os marqueteiros o do PSDB está se saindo bem. Do relatório da pesquisa:

"Dos entrevistados pela Pesquisa CNT/Sensus, 44,7% disseram que assistem aos programas eleitorais do TSE - todo ou em parte. Destes, 38,3% consideram o programa de Lula como o melhor; 30,8%, consideram como o melhor o programa de Geraldo Alckmin; 13,2%, o de Heloísa Helena, e 1,7%, o programa de Cristovam Buarque."

Ou seja, Lula bate Alckmin por 51,4% a 19,6%, mas o programa de Lula está apenas 7,5 pontos percentuais à frente do de Alckmin. Uma coisa muito difícil em eleição polarizada é o eleitor de um gostar do programa do outro. Deixem o marqueteiro de Alckmin trabalhar em paz. Se o tucano perder a eleição, não terá sido por culpa da propaganda (veja o post anterior).

Clique aqui para assinar este blog (Blog do Alon).
Para mandar um email ao editor do blog, clique aqui.
Para inserir um comentário, clique sobre a palavra "comentários", abaixo.

6 Comentários:

Blogger Paulo C disse...

Não há motivo para achar que o marqueteiro de Alckmin seja ruim e não vi nenhum grande erro. O candidato e os partidos que o apóiam tem dinheiro, não iriam contratar um mero amador interessado. Além disto, ele tem mais tempo que os adversários, verba para produção e aparentemente conta com a total confiança de seu candidato.

Ocorre que, ao contrário do que a imprensa gostaria e esperava, esta não é uma eleição polarizada. Como falar em polarização de há um candidato com a preferência da imensa maioria e vários outros que somados dividem cerca de um terço do eleitorado?

Neste cenário, o eleitor do favorito pode até se dar ao luxo de contemplar a propaganda do adversário com olhos não de desconstrutor mas de observador.

E cabe uma correção ao que eu disse acima: não vi nenhum outro grande erro na campanha da oposição, depois do erro fatal na escolha do candidato.

terça-feira, 29 de agosto de 2006 14:49:00 BRT  
Blogger Ricardo disse...

A propaganda de Lula é melhor que a de Alckmin. Por 38% a 30%. Portanto, o programa de Alckmin é fraco, pois você poderia ter o melhor programa independentemente de ser o candidato mais votado.
Eu acho o programa de Lula excelente, muito melhor do que o de Alckmin, a despeito de quase tudo que é divulgado ser mentira, falsidade ou mistificação. A de Alckmin tem um índice menor de mentiras, mas é igualmente mistificador (como se o governante fizesse favor ao trabalhar), exceto que o pobre de Alckmin é coitado, e o pobre de Lula é virtuoso.

terça-feira, 29 de agosto de 2006 15:07:00 BRT  
Anonymous Cesar Cardoso disse...

ricardo: campanha na TV é venda de sabonete. Isso o marqueteiro do Alckmin entendeu. O problema é que ele não tinha e não tem sabonete pra vender.

terça-feira, 29 de agosto de 2006 20:44:00 BRT  
Anonymous José Augusto disse...

As 2 propagandas estão boas, do ponto de vista eleitoral. Do ponto de vista político acho que a de Lula está mais consistente (é natural, Lula não precisa correr muitos riscos nem fazer grandes movimentos).
Acho que os problemas de Alckmin são mais políticos (abandono por parte de aliados estaduais) do que de marketing. Os mesmo que criticam sua propaganda, não tem a coragem de bater em Lula em seus pogramas estaduais.
Por fim não acredito que outro candidato se saíria muito melhor (Serra já estava caindo nas pesquisas e Lula subindo quando Alckmin foi escolhido). É preciso lembrar que já travaram embate a 4 anos atrás e Lula venceu, só tendo esperança ou medo a oferecer. Agora, se ele não tem mais aquela esperança a ofertar tampouco desperta medos.
Cada eleitor teve 4 anos de observação e vivência (com ampla cobertura pela imprensa desfavorável), para fazer seu próprio julgamento, e está votando com os olhos voltados para a realidade que lhe interessa.

quarta-feira, 30 de agosto de 2006 00:40:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

Alon,
Pelas primeiras leituras do seu blog, depreendi que vc é PSDBista, certo????
Agora explica prá um "inhorantão", por que tantos jornalistas têm blogs e por que todos são insidiosamente contrários ao Lula???
É uma tática marqueteira do Alkimim-FHC????
Os jornalistas são remunerados por isto?????
Por que essa unanimidade???
Nelson Rodrigues afirmou que toda unanimidade é burra. Os jornalistas-blogueiros são burros???
Com a palavra, Alon....

quarta-feira, 30 de agosto de 2006 12:06:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

O Alon, tucano? Ele te enganou direitinho. O Alon é um esquerdista do tipo mais perigoso: o que raciocina e relaciona A com B. Dá uma olhada no que ele vem escrevendo desde um ano atrás e você vai entender.

quarta-feira, 30 de agosto de 2006 12:19:00 BRT  

Postar um comentário

<< Home