sábado, 29 de julho de 2006

Candidatos fogem de uma nova reforma da Previdência (29/07)

Essa eu nunca tinha visto antes. O Jornal Nacional da Rede Globo apresentou ao longo da semana uma série sobre a Previdência Social. O foco da pauta apontou claramente para a necessidade de uma nova reforma no sistema, especialmente em aspectos delicados, como a idade mínima para aposentadoria. Hoje, sábado, o JN foi ouvir os candidatos. Nenhum deles defendeu uma nova reforma. Os dois que lideram as pesquisas, Lula e Alckmin, apostaram no crescimento da formalidade como instrumento para melhorar a arrecadação. Já Heloísa Helena disse que o déficit da Previdência não existe, que as contas da seguridade social têm superávit. Definitivamente, certas agendas saíram de moda.

Clique aqui para assinar este blog (Blog do Alon).
Para inserir um comentário, clique sobre a palavra "comentários", abaixo.

29 Comentários:

Anonymous jose carlos lima disse...

Este comentário foi removido por um administrador do blog.

sábado, 29 de julho de 2006 21:54:00 BRT  
Anonymous Marcus disse...

Infelizmente o eleitorado brasileiro prefere se enganar, e achar que basta o presidente querer pra resolver todos os problemas nacionais, de forma indolor.

Se Lula dissesse que é a favor da reforma, Alckmin usaria isso contra ele na campanha, e vice versa. E daria resultado!

Situação difícil essa. É claro que tanto Lula quanto Alckmin farão reformas previdenciárias, se forem eleitos. Mas a situação atual da política brasileira praticamente os obriga a mentir.

sábado, 29 de julho de 2006 22:31:00 BRT  
Anonymous augusto disse...

Prezado Alon: Sobre o Lula a gente já sabe, mas, e o Alckmin já está aposentado, também? Esse é o nosso Brasil, a nova VARIG vai demitir 5.000, mas as aeromoças vão posar na Playboy. Governos, apesar de todo o besteirol que lemos na Imprensa, deveriam se preocupar com as pessoas que nascem, vivem e morrem no país. Por que será que os dinamarqueses são os mais felizes do mundo? Certamente, não será porquê vivem fazendo reformas previdenciárias ou constitucionais todo o tempo. Como se costuma dizer, o subdesenvolvimento não nasce da noite para o dia, é uma obra de séculos. Doutrinados, infantilizados e manipulados durante todos esses anos em que a Mídia se auto anabolizou para unir-se ao mercado financeiro e ao agrobusiness, hoje, somos incapazes de enxergar nossos verdadeiros problemas e, por isso, discutimos raivosos os impostos que incidem num pãozinho enquanto felizes por "pensar como intelectual" avalizamos a importância do aumento do superávit primário para o pagamento de dívidas que, esqueçemos, além de eternamente vultosas foram contraídas e aumentadas em circunstâncias nunca, razoavelmente, explicadas. Um abraço.

domingo, 30 de julho de 2006 00:36:00 BRT  
Anonymous Bartolomeu disse...

Ô José Carlos,

Realmente a Polícia Federal não sai de campo (enquanto a sua precária infraestrutura física aguentar) para investigar o que é descoberto PELA IMPRENSA!!! Todas, TODAS, as denúncias de corrupção vieram da imprensa! Não é verdade que "nunca antes neste país" o governo investigou tanto a corrupção. Veja, Folha, etc.. prestam um grande serviço ao país e viva a liberdade de imprensa!

domingo, 30 de julho de 2006 03:08:00 BRT  
Anonymous Bartolomeu disse...

Exagerei no comentário anterior. Em lugar de TODAS leia-se "quase todas". Mas... ver, abaixo, também trecho de artigo da Eliane Cantanhede, na FOlha de S. Paulo de hoje:

Antes que se diga que o governo Lula é "o que mais combateu a corrupção no país", um registro: algumas das mais importantes operações da PF no atual governo foram resultado de longas investigações que já vinham desde o anterior. O melhor exemplo é a Anaconda, que pegou os juízes Mazloum de jeito. E vale lembrar que foi no governo FHC que a PF apreendeu uma pilha de dinheiro na Lunus, dos Sarney, e prendeu um ex-presidente do Senado, Jader Barbalho.
Foram anos de aperfeiçoamento até chegar a um bom momento, menos partidário e mais profissional, com o delegado Paulo Lacerda à frente. E foi a PF que, a partir de uma fiscalização da CGU (Controladoria Geral da União), detonou a Operação Sanguessuga, explodindo prefeitos e parlamentares que desviavam dinheiro de ambulâncias. Ou seja: da saúde.

domingo, 30 de julho de 2006 03:17:00 BRT  
Anonymous augusto disse...

Este comentário foi removido por um administrador do blog.

domingo, 30 de julho de 2006 12:16:00 BRT  
Anonymous Ahdar Omarba disse...

Sabe o que está acontecendo, Augusto? Os jornalistas que não dançam conforme a música vão sendo, suavemente, postos para fora das redações. Quem não for tucano ou pefelista está fora. Simples assim. Tudo em nome do combate ao petismo. Para ser mais justo, o profissional pode até ser de esquerda e ficar na redação, desde que sua militância intelectual se restrinja a temas ambientais ou sociais. E deixem a política para os seus patrões mentirem, falsificarem e perserguirem os adversários. E esconderem a corrupção cometida pelos amigos.

domingo, 30 de julho de 2006 12:25:00 BRT  
Anonymous augusto disse...

Prezados: Acredito que a Mídia após tantos anos de doutrinação, infantilização e manipulação passou a subestimar, explicitamente, a capacidade dos leitores, ouvintes e telespectadores. Como ator hegemônico nesse processo, com a parceria do mercado financeiro e do agrobusiness, a Mídia glamouriza e dá feições humanas aos interesses dos grandes empresários que atuam nas 3 áreas. A saída me parece, mesmo, seja dar prioridade à Internet ocupando os novos espaços e, por isso, sugiro que falemos mais disso repercutindo o que dizem e escrevem, com experiência, densidade e coragem, aqueles que ainda nos restam como, por exemplo, M.Santayanna, L.Nassif e L.F.Veríssimo, para citar 3 expoentes que se expressam de forma diferente sobre temas diferentes, mas, me parece, sempre focados no melhor para o Brasil e os brasileiros. Um abraço.

domingo, 30 de julho de 2006 13:08:00 BRT  
Anonymous jose carlos lima disse...

Este comentário foi removido por um administrador do blog.

domingo, 30 de julho de 2006 13:21:00 BRT  
Anonymous Rodrigo disse...

Bartolomeu, na boa, faz tempo a operação dos sanguessugas e a cerol não foi a imprensa que descobriu, aliás se voce se lembra de alguma que a impensa descobriu sozinha, eu acho que seria legal se você colocasse o link aqui. Porque eu acho que faz tempo que a imprensa não descobre coisa alguma, vivendo só de grampos e vazamentos, sendo porta-voz deste ou daquele interesse.

domingo, 30 de julho de 2006 13:22:00 BRT  
Anonymous Bartolemeu disse...

Rodrigo, tomarmos conhecimento do mensalão, gigantesco desvio de dinheiro público - não foi caixa 2 não!!!! - foi resultado de entrevista feita pela Folha com o Jefferson. O motivo para ele dar a entrevista, isso pouco importa.
Os nomes dos sanguessugas sabemos graças à imprensa. Jatinho transportando caixas de uisque para aeroporto secundário (uma irrelevância, claro...) sabemos pela imprensa...
Isso para dizer só alguma coisa... Claro que a PF faz um bom trabalho e descobre muita coisa, apesar da precariedade dos recursos disponíveis. Essa eficiência, porém, não começou hoje, nem ontem, pois ao contrário do que diz o Presidente, o país não começou ontem, tem história, e o serviço público também, como escreveu a Eliane Cântanhede na Folha de S. Paulo de hoje.
E esse papo de que a imprensa mente, que está fazendo campanha contra...PEL'A MOR DE DEUS... é querer acreditar em Papai Noel. Bom, quem aceita a versão do "não sabia", engole essa conversa de campanha orquestrada, porque está agindo movido por FÉ - esta não é só religiosa...- e não pela Razão.

domingo, 30 de julho de 2006 17:16:00 BRT  
Anonymous augusto disse...

Prezado Alon: Observa-se com clareza no seu Blog como em outros que as maiores vítimas do processo de doutrinação, infantilização e manipulação imposto ao longo do tempo no Brasil pela grande Mídia, são, com exceções, os próprios jornalistas. O "manchetismo" e outras ações de patrulhamento na mídia em curso, como foi muito bem colocado, possuem no seu DNA o vírus do macartismo que vitimou sobretudo jornalistas e pessoas ligadas à produção de cultura, ou seja, formadores de opinião. Um abraço.

domingo, 30 de julho de 2006 18:33:00 BRT  
Anonymous Adriana disse...

Este comentário foi removido por um administrador do blog.

domingo, 30 de julho de 2006 18:56:00 BRT  
Anonymous jose carlos lima disse...

(...)"E o Ombudsman da Folha tá parecendo a rainha da Inglaterra. Tem só a pose, mas não manda nada, não consegue interferir em nada na linha editorial da Folha, e agora está sendo atacado pela direita, que identificou nele um perigo para suas estratégias midiático-eleitorais. A Renata La Prete andou falando, e repetindo, que um petista, o tal Cirilo, seria o "operador do esquema de sanguessuga". Ora, o esquema é antigo, é tucano, beneficiou em sua maioria prefeituras tucanas e pefelistas, como é que o operador é petista, minha filha? De resto, falta a mídia aceitar o óbvio. Foi o próprio governo federal que iniciou as investigações sobre o esquema dos sanguessugas. Aliás, a CGU e a PF vêm fazendo um trabalho extraordinário e quero ver aqueles colunistas que tanto berraram contra corrupção e pela ética terão a elegância de louvarem o belo trabalho destes órgãos." Escrito por Miguel do Rosário Domingo, Julho 30, 2006 .....Leia mais em http://oleododiabo.blogspot.com

domingo, 30 de julho de 2006 19:17:00 BRT  
Anonymous Adiana disse...

Quem colocou a polícia federal em campo para combater a corrupção senão o presidente Lula? O que fez FHC para dar combate a este triste flagelo? Nada! Nos 8 anos de governo do PFL/PSDB a polícia federal realizou menos de 60 operações e todas, claro, prontamente abafadas. Nestes menos de 3 anos de governo Lula, já foram realizados quase 200 operações com quase 3.000 prisões. É isso aí Lula! Por isso estas velhas raposas do PFL/PSDB, por sinal fazendo discursos em defesa da ética (kkkkkkkk...é de morrer de rir). Na verdade, eles estão morrendo de medo de que Lula seja eleito. Pois se isto ocorrer a PF vai continuar em campo, para desespero dos gatunos. Eles usam os meios de comunicação para distorcer a verdade, ou seja, para apresentar o combate à corrupção como prática de tal crime. Desde quando é crime botar ladrão na cadeia, seja ele de que partido for? Parabéns Lula. Estou contigo e não abro!

domingo, 30 de julho de 2006 20:03:00 BRT  
Anonymous jose carlos lima disse...

Para Ana Maria, na caixa de comentários do blog www.edu.guim.blog.uol.com.br Concordo plenamente com você. Temos que fazer sim, uma ampla campanha para que a Folha perda assinantes bem como também anunciantes. Vamos fazer chegar aos eles ( assinantes e anunciantes da Folha ) nossa indigação. Vamos mostrar que não somos bobos.

domingo, 30 de julho de 2006 20:33:00 BRT  
Anonymous Rodrigo disse...

Bartolomeu, na minha opinião o caso do mensalão ilustra bem o que eu quis dizer. Esse problema sempre ocorreu a décadas, e irá acontecer no início da próxima legislatura, sem nunca a imprensa, por assim dizer, notar o que estava acontecendo, e só depois um duputado foi atrás da imprensa, e não o contrário, é que a imprensa passou a cumprir o papel dela. E o que aconteceu? A imprensa abraçou completamente a tese, Roberto Jefferson passou a ser herói e ficou aquele espetáculo sensaciolarista de saber se Lula sabia ou não sabia. E qual o Resultado? Acharam 19 deputados, metade deles petistas, acusados de receber dinheiro para votar a favor do governo. Foi uma montanha para parir um rato, o que a imprensa publicava era na maioria das vezes vazamentos dos deputados que usavam a CPI como palanque ou manifestações de interesses outros que não a apuração dos fatos. A imprensa vislumbrou a possibilidade de transformar o caso do mensalão em um novo caso PC, e o que ela apurou realmete? nada. O que realmete sabemos o relacionamento entre doadores de campmha governo? Qual a relação entre partidos aliados? O que os deputados, ou a sociedade propõe para combater o problema? não sabermos, o que existe é uma "onda moralizadora" onde cada um é mais cara de pau que o outro acusando o outro de corrupto e a imprensa embarcando nesta onda. Eu acho importante também dizer que a imprensa cumpre seu papel somente determinados momentos, eu fico me perguntando qual seria a onda de indignação que eu veria na imprensa se o Lula desse 1 bilhão de reais de mão beijada pro Cacciola ou fizesse as privatizações da forma em que foram feitas. Acho também que a imprensa não conta tudo que sabe, se contasse não ia sobrar pra Lula, FHC, Covas, Serra, Alckmin, Garotinho, nem HH. Os polícos são muito gratos, e a imprensa sabe muito bem cobrar a fatura.
Quanto ao caso do carregamento bebidas em um avião, eu não sei bem se isso é um exemplo de jornalismo, mas com certeza ilustra bem o que eu falei. Infelizmente, esperar que a imprensa compra o seu papel é um pouco como acreditar em papai noel.

domingo, 30 de julho de 2006 22:48:00 BRT  
Anonymous Adiana disse...

A HH fez-se presente na Parada Gay aqui no RJ. Ótimo. Eu também estive lá. Só não entendi porque a HH está sendo apoiada pelo casal Garotinho, conhecidos homofóbicos. Uma das propostas do casal era usar o dinheiro público para repassar a Igrejas Evangélicas par que estas "curassem" os gays. Claro, tal proposta tão discriminatória foi derrotada na Assembléia Legislativa. Realmente não entendi esta do casal garotinho. Não tenho a menor de dúvida de que que a forma que encontraram para ajudar o Alckmin 69 CPIs Enterradas, o candidato da direita. Assim dá pra entender melhor o casal garotinho ne. Ainda assim, há quem pense que a HH é de esquerda. Lula sim, face a sua política econômica, é de esquerda. Não a HH. HH, me engana que eu gosto! A este respeito, leia o excelente artigo "A candidata da direita: Heloísa Helena", de EDUARDO LAUANDE, no site www.informante.net

domingo, 30 de julho de 2006 23:26:00 BRT  
Anonymous Ana Maria disse...

Adriana, eu também estranhei. E olhe lá que o tema da Parada Gay era em defesa da União Civil entre pessoas do mesmo sexo. Será que o casal garotinho, conhecidos homofóbicos, negociaram este ponto com a HH? "Com o tema "Sou cidadão, sou igual a você. Pela criminalização da homofobia. União civil já!", um dos destaques foi a megabandeira de 100 metros, desfraldada durante toda a marcha.

"Nós queremos chamar a atenção do Congresso Nacional para a importância desses projetos, que vão ajudar a defender os nossos direitos como cidadãos", disse o coordenador do evento, Cláudio Nascimento." ( Portal Terra)

domingo, 30 de julho de 2006 23:47:00 BRT  
Anonymous Ana Maria disse...

Sou a favor da idéia de se fazer uma campnha para fazer com que a Folha ligue o desconfiômetro surgiu após ler o artigo "Cara de Pau Continua" do escritor Miguel do Rosário, confira no blog http://oleododiabo.blogspot.com/ O próprio Miguel irritou-se ao receber da Folha emails de caráter mentiroso e difamatório contra Lula. Achei a atitude de Miguel genial. Só mexendo no bolso daqueles pilantras para eles tonmarem jeito. E olhe só que aqueles que apoiam Lula, caso resolvam peita a Folha, vai ser um desfalque e tanto no caixa. Se bem que eles devem ter caixa 2 do candidato chinfrim do PFL/PSDB. Mas não custa nada organizarmos esta campanha contra a Folha. Tal camapnha funcionará, no mínimo, conmo alerta à população. Muitos sindicatos e organizações sociais são assinantes da Folha,quando este jornal ainda não estava tão comprometido com a bandidagem. Sugiro que tais entidades e pessoas físicas protestem como o Miguel. E que deem ciência aos anunciantes o motivo do cancelamento=protesto. Vamos boicatar os assinantes e anunciantes da Folha.

segunda-feira, 31 de julho de 2006 00:04:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

Blog. Alon, essa previdencia já esta toda remendada, que perdeu o fio da meada. O ideal seria uma reforma Constitucional com todos os segmentos da sociedade, e não só pelo congresso. Desde a Constituição de 88 nada mais funciona, conforme o proprio paizão falou: este deixou o país ingovernavel. E o papel da imprensa que eu saiba é livre e são profissionais sem imunidades, com padrões de eticas profissionais da sua profissão. As pessoas que pisam no tomate é que devem explicações, conforme falou Suplicy.
Yoshio - Japão

segunda-feira, 31 de julho de 2006 03:15:00 BRT  
Anonymous Antonio Lyra Filho disse...

Sinto que a oposição, está sentido que a nova estratérgia de Lula de divulgar as realizações do seu governo, começou a incomodar.
Para tentar minimizar as conquistas do governo, o PSDB/PFL, estão lançando uma cartilha, em contraponto a do PT, mostrando as realizações do governo FHC. Elas falam do Bolsa Familia, como uma realização de seu governo. Agora pergunto, se o programa era bom, o chama de populista, porque o programa não elegeu Serra.
Do meu ponto de vista, sempre achei que Lula começou tarde a divulgar as suas realizações, por que incrivel que pareça, muita gente desconhece.

segunda-feira, 31 de julho de 2006 09:56:00 BRT  
Anonymous jose carlos lima disse...

No que diz respeito a questões de igreja, como pesquisa com células tronco, aborto e união civil entre pessoas do mesmo sexo, Heloisa Helena fecha com a Opus Dei. Ela é do tempo em que não existia a separação Igreja x Estado. Socialista que se preze defende um Estado laico. Ainda assim o partido dela responde pelo nome socialismo e liberdade. Lindo, não é? Porém nada mais falso. Nunca vi tanta hipocrisia, oportunismo e falta de ética numa só pessoa. Quer dizer que, sendo eleita presidenta, HH revogará a Lei, já aprovada e apoiada sancionada por Lula, que autoriza as pesquias com células-tronc.Sou a favor do Estado laico, ou seja, da separação entre Estado e Igreja. Pois se assim não fosse, não teríamos nem mesmo a Lei do Divórcio aprovada contra a vontade dos bispos.Pelo jeito, sendo presidenta, ela vai proibir o nome do cientista Charles Darwin nos livros de biologia.Eneas,Bento16,Bush,TFP e Opus Deis são muito mais progressitas.Será que ela é a favor da bomba atômica?Meu nome é Heloisa Helenéas!

segunda-feira, 31 de julho de 2006 10:09:00 BRT  
Anonymous João Azevedo disse...

Ih, Alon, acho que o seu site foi invadido pela patota do V. Pomar! Eles estão totalmente deseperados pela destruição do PT junto à classe média, que sempre representou sua base eleitoral. Agora ficam aí, aparelhando os sites de opinião, como se isso fosse apagar as falcatruas do governo mais corrupto da história, do partido que transformou a corrupção, de desvio moral para sistema de governo. E o mais engraçado são as críticas à H. Helena, que nada mais faz do que repetir tudo aquilo que o PT "defendeu" (na verdade era tudo "bravata", como disse o próprio Lula) até o dia 31/12/2002, e que abandonou no dia 01/01/2003, como quem troca de roupa. E essa de criticar a carolice da HH? Ora, não foi o próprio Lula que escolheu, como procurador-geral, um sujeito que procurou, de todas as formas, obrigar as mulheres a darem à luz a fetos sem cérebro? Cruz Credo! O que vão fazer quando saírem as próximas pesquisas? Tirar o site do ar? Cuidado com a patota do Pomar, Alon!

segunda-feira, 31 de julho de 2006 12:42:00 BRT  
Anonymous João Azevedo disse...

Essa história dos sanguessugas está cada vez melhor. Aliás, os petistas são tão "inteligentes" que deveriam fazer o possível para agir da mesma forma que nos outros muitos escândalos deste governo, isto é, jogando tudo para debaixo do tapete, ao estilo Lula ("não sei de nada", ou "é culpa do PT"). Mas, que nada! Não param de falar nisso! Tentaram, de forma totalmente incompetente, usar a CGU para jogar a conta nas costas da oposição. Mas não adianta: 80% dos envolvidos pertence à base do governo; as ambulâncias do SAMU foram superfaturadas; a PLANAM só conseguiu receber recursos atrasados DEPOIS da posse de Lula (ou seja, não estavam recebendo nada com o Serra); H. Costa e J. Cirilo eram os homens da PLANAM dentro do governo; os recurso transferidos à PLANAM aumentaram exponencialmente no governo Lula. A continuar assim, a eleição vai acabar ficando fácil...

segunda-feira, 31 de julho de 2006 18:45:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

E eu acabo de sair de um outro blog onde li um petecostal dizendo que HH não tem imagem compatível com a de um presidente (como se Lula tivesse, claro!) e que ela é uma doidivanas sem plano de governo pregando a moratória. Esse pessoal é uma piada de extremo mau gosto! A cada dia que passam entram mais em contradição e fazem menos sentido para si próprios!

Maria Lúcia

segunda-feira, 31 de julho de 2006 21:04:00 BRT  
Anonymous Samyr Pécora disse...

Pipocas, mas aé aqui o "aparelho" petista está a todo vapor? É por esta e tantas outras, que precisamos extirpar cirugicamente esse tumor maligno que é o PT, na urnas do primeiro turno, e entrar com a quimioterapia, a toda velocidade, para no segundo turno não deixar mais nem rastro dessa corja de PilanTras!

segunda-feira, 31 de julho de 2006 23:07:00 BRT  
Anonymous Anônimo disse...

Máquina petista? Presta Atenção! E o que você é então? Isto é uma democracia e cada um apoia quem quiser! E você é da máquina tucana? Resolveu patrulhar este site também? Vai dar um lida nas pesquisas e para de ficar patrulhando.

segunda-feira, 31 de julho de 2006 23:40:00 BRT  
Anonymous jose carlos lima disse...

No que diz respeito ao assunto classes sociais, o que noto é um grande esforço por parte da classe A para manipular, com interessere eleitoreiro, os demais segmentos.Até mesmo as diferenças raciais são mascaradas com o hipócrita discurso da "democracia racial".No entanto as pessoas são relegadas ao limbo.Sua inexistência é decretada.A questão só vem à tona quando a classe A se ver ameaçada de perder algumas benesses, como por exemplo faculdade de qualidade e grátis. Aí dizem "veja só, ve se pode a pessoa ter acesso à faculdade só por ser preto." Neste momento os pretos existem. Enquanto ameaça, claro. Ameaça a privilégios de uma elite cínica e perversa.Negar a divisão da sociedade em classes e manipulação da mais poderosa, a classe A, em relação às demais, é como negar que a Terra é redonda. Não há como. E não é dissimulando, escondendo tal realidade, que chegaremos a algum lugar. Nestas eleições, mais do que em qualquer outro momento, precisamos de perspicácia suficiente para percebermos isso que você colocou no seu texto

terça-feira, 1 de agosto de 2006 00:29:00 BRT  

Postar um comentário

<< Home