segunda-feira, 10 de julho de 2006

Ainda sobre o gás, os votos de Lula e a habilidade de Kirchner (10/07)

Em junho, em plena Copa, os argentinos marcaram um gol nas suas negociações com a Bolívia, em torno do preço do gás que os bolivianos vendem à Argentina. Néstor Kirchner é mesmo um craque da política e da comunicação. Convidou Evo Morales a Buenos Aires para juntos comemorarem (sim, comemorarem) o aumento de 56% que Buenos Aires vai pagar a La Paz para continuar recebendo o produto. Mais ainda, Kirchner e Morales fizeram um comício juntos na ocasião. O leitor deste blog perguntará se os argentinos enlouqueceram. Não, eles apenas têm um presidente que lhes explicou que: 1) o preço anterior estava completamente aviltado, pelos padrões internacionais; 2) mesmo com o reajuste, a Argentina ainda vai sair ganhando, pois vai pagar abaixo dos preços internacionais. Além do acordo sobre o preço do gás, Kirchner e Morales assinaram um tratado de regularização migratória, para resolver a situação dos imigrantes bolivianos. Enquanto isso, aqui no Brasil uma parte da diplomacia, da mídia e da academia empurra Luiz Inácio Lula da Silva para um confronto contra a Bolívia. Hoje, o ministro boliviano dos hidrocarbonetos disse que o Brasil está endurecendo as negociações, para evitar que Lula perca votos em outubro. É lamentável que nossa política externa caminhe assim, ao sabor da gritaria do momento. Precisaríamos de um presidente que dissesse aos brasileiros a verdade: o interesse nacional estratégico exige que façamos concessões aos vizinhos mais pobres, pois não seremos um país plenamente democrático e desenvolvido sem que tragamos conosco, para a democracia e o desenvolvimento, nossos irmãos sul-americanos. Para que a Europa se transformasse no que é, foi necessário que alemães, franceses, holandeses e outros colocassem dinheiro grosso na Espanha, em Portugal, na Grécia e na Turquia.

Clique aqui para assinar este blog (Blog do Alon).
Para inserir um comentário, clique sobre a palavra "comentários", abaixo.

2 Comentários:

Anonymous Bartolomeu disse...

Ô Alon, você está pedindo muito! Primeiro que Lula saiba o que está acontecendo - ele nunca sabe de nada que ocorreu sob seu nariz! - e, além disso, que diga a verdade.

terça-feira, 11 de julho de 2006 03:24:00 BRT  
Anonymous Richard Lins disse...

Bartolomeu tem razão! Alon, vc e o Elio Gaspari são os únicos que conheço que falam bem do Nestor. A maioria não topa o cara, ou pq são economistas e não podem concordar com quem fez o que eles diziam ser impossível: Renegociar a dívida externa. Outros não gostam dele talvez por bairrismo mesmo!!! Eu acho que é de um cara assim que precisamos... como não tem ninguém com este perfil por aqui, vamos ter que agüentar o sapo barbudo e os tucanos por mais alguns anos... isto se não der Garotinho em 2010 (toc, toc, toc). abs

quinta-feira, 13 de julho de 2006 17:36:00 BRT  

Postar um comentário

<< Home