segunda-feira, 5 de junho de 2006

Recorde na carteira assinada (05/06)

Da sinopse de imprensa de hoje da Consultoria Tendências, a partir de reportagem de O Estado de S.Paulo:

"EMPREGO COM CARTEIRA ASSINADA É O MAIOR DESDE 2003 - Estudo do Ipea mostra que o nível de formalização do mercado de trabalho ultrapassou, em abril, 54% do total nas regiões metropolitanas do País. É a maior taxa desde o início da nova série da Pesquisa Mensal de Emprego do IBGE. Em 2003, o porcentual era de 50% e, este ano, deverá superar os 55%. O resultado mostra que o emprego formal está conseguindo reagir nas áreas pesquisadas (São Paulo, Rio, Porto Alegre, Belo Horizonte, Salvador e Recife), que na década passada sofreram com a informalidade. Nessas seis regiões, 10,8 milhões dos 19,8 milhões de trabalhadores eram empregados com carteira assinada no período da pesquisa. O avanço das exportações e a fiscalização contribuíram para esse movimento."

Clique aqui para assinar gratuitamente este blog (Blog do Alon).
Para inserir um comentário, clique sobre a palavra "comentários", abaixo.

1 Comentários:

Blogger Ricardo disse...

... ou seja, crescimento vegetativo, que acompanhou o crescimento pífio da economia. Não se trata de um movimento estrutural de formalização.
Mais cuidado na análise é sempre bom.
Aumento da fiscalização e crescimento das exportações? Quem prova que houve aumento da fiscalização? E qual a base do PME que mostraria correlação entre exportação e formalização? Para mim, trata-se de chute, pura e simplesmente, ou mais uma publicidade à custa da realidade.

segunda-feira, 5 de junho de 2006 11:35:00 BRT  

Postar um comentário

<< Home