domingo, 5 de fevereiro de 2006

Maioria dos americanos acreditam em guerra contra o Irã (05/02)

A maioria dos americanos acreditam que seu país irá à guerra contra o Irã em no máximo um ano. O Instituto Rasmussen pesquisou por telefone 1.000 adultos na última quarta-feira, com uma margem de erro de três pontos percentuais. À pergunta se haverá guerra com o Irã nesse período, as repostas foram:

Muito provável 22%

Provável 31%

Improvável 30%

Impossível 6%

Em novembro de 2004, o governo iraniano anunciou a suspensão voluntária de seu programa de enriquecimento de urânio, mas mudou de posição em agosto de 2005. Nesta semana, a Agência Internacional de Energia Atômica decidiu por 27 a 3 levar o assunto ao Conselho de Segurança da ONU, para possíveis sanções ao Irã. Clique aqui para ler mais.

Notas relacionadas neste blog :

Maioria dos americanos acreditam em guerra contra o Irã (05/02)

O Itamaraty precisa dizer a que veio (01/02)

Irã será levado ao Conselho de Segurança; Chávez apóia Teerã (31/01)

Uma proposta radical: Israel na OTAN (25/01)

Irã fala em "batalha final" entre o Ocidente e os muçulmanos (21/01)

Serviço Secreto alemão diz que Irã terá armas nucleares em 3 ou 4 anos (19/01)

Irã suspende a censura imposta à CNN (17/01)

O Irã será levado ao Conselho de Segurança da ONU (16/01)

Perguntas e respostas sobre o Irã nuclear (Al-Jazira, 12/01)

A provável escalada entre Israel e Irã (06/01)

0 Comentários:

Postar um comentário

<< Home