quinta-feira, 23 de fevereiro de 2006

Cai a confiança do consumidor, que caminha paralelamente à avaliação de governos (23/02)

Caiu a confiança do consumidor em fevereiro, na comparação com janeiro. A taxa medida pela Fundação Getúlio Vargas recuou 2,1%. Em janeiro, havia subido 6,7%. O índice costuma ter forte correlação com a avaliação dos governos. O pior resultado foi verificado no item "situação financeira da família". Segundo a Agência Estado, a parcela dos consumidores que classificam a situação nesse tópico como boa caiu de 22,7% para 18,7%; no mesmo período, a parcela dos entrevistados que consideram a situação como ruim passou de 16,3% para 17,5%. Clique aqui para ler mais.

0 Comentários:

Postar um comentário

<< Home