domingo, 22 de janeiro de 2006

Trabalhistas aceitam ceder parte de Jerusalém (21/01)

O Partido Trabalhista de Israel incluiu em seu programa de governo para as eleições parlamentares de março um item em que admite ceder aos palestinos o controle das partes de maioria árabe em Jerusalém Oriental. Clique aqui para ler mais. As últimas pesquisas colocam os trabalhistas na segunda posição, atrás do Kadima, partido fundado pelo premiê Ariel Sharon, que está hospitalizado após um derrame cerebral. Sobre os mais recentes levantamentos de intenção de voto em Israel, clique aqui.

0 Comentários:

Postar um comentário

<< Home