quinta-feira, 26 de janeiro de 2006

India onipresente e China ativa em Davos (26/01)

Luiz Inácio Lula da Silva deixou de ir ao Fórum Social Mundial em Caracas porque (minha interpretação) está incomodado com o papel de coadjuvante de Hugo Chávez. Como não foi à Venezuela, deixou também de ir ao Fórum Econômico Mundial, em Davos (Suíça), para não abrir espaço a críticas vindas da esquerda. Mas, enquanto o Brasil fica imobilizado por essa crise existencial, nossos sócios do BRIC (Brasil, Rússia, India e China) são mais pragmáticos. A India ocupa os espaços em Davos e corre atrás de todo investimento que puder atrair para si. E a China é escolhida como a sede asiática do Fórum Econômico Muncial.

0 Comentários:

Postar um comentário

<< Home